8 coisas importantes a saber sobre caiaque - dicas essenciais

Caiaque é um hobby para alguns e uma paixão para outros. Seja qual for o motivo do caiaque, a diversão é garantida. Além de você se molhar, o que é bastante óbvio. É por isso que hoje estarei discutindo com vocês algumas coisas sobre caiaque que irão melhorar e adicionar algo à sua próxima viagem de caiaque.

Este artigo irá educar os jogadores de caiaque, especialmente os iniciantes. Quem quiser exercer a atividade de caiaque certamente vai querer ler isso. Então, sem mais delongas, vamos direto ao assunto.

1. Perto da Natureza

Perto da Natureza

O caiaque é uma daquelas atividades que certamente aproximarão a pessoa da natureza. Agarrar uma oportunidade de entrar em águas cristalinas com zero ou nenhuma distorção vai parecer celestial. Além disso, o canoísta também pode se reconectar com a natureza de várias maneiras.

Algumas pessoas andam de caiaque para explorar certos aspectos da natureza, enquanto outras querem apenas vislumbrá-la no primeiro lugar. De qualquer forma, seja qual for o seu objetivo de caiaque é, reconectar-se com a natureza sempre estará em sua mente subconsciente durante toda a jornada.

2. Equilíbrio

Um caiaque de boa qualidade tem um design compacto. Ele sempre dará o equilíbrio ideal para o usuário e certamente terá um desempenho melhor do que uma canoa média. Tendo em mente, que o equilíbrio é de extrema importância sempre compra um produto de grau A. Isso aumentará a experiência já serena.

Melhor equilíbrio significa um passeio mais estável. O caiaque flutuará na água de forma mais suave, tornando a viagem mais relaxante.

3. Treino

Uma viagem média de caiaque de 4 a 5 milhas não só será relaxante para os olhos, mas também trará alguns benefícios físicos. A força e a resistência colocadas em remar desenvolverá a parte superior do corpo do canoísta. O aumento do fluxo sanguíneo para os músculos, especialmente bíceps e tríceps, permitirá que eles se desenvolvam melhor.

Certifique-se de ter uma boa pré-refeição para que você não se esgote durante a viagem. Além disso, mantenha uma garrafa de água com você para que a desidratação não se torne uma complicação.

4. Equipamentos e Equipamentos

Antes de entrar na água, é importante ter todo o equipamento prescrito para que, uma vez na água, você não precise recorrer. Como sabemos, existem diferentes estilos de caiaque com certas distinções entre eles.

Sempre escolha o equipamento que se adequa ao seu estilo específico de caiaque. A engrenagem básica deve incluir uma engrenagem da carroceria, um colete salva-vidas, e uma pá. Tenha certeza de mantenha um colete salva-vidas de segurança em cada caiaque jornada.

5. Força Mental

Força mental

O caiaque é um daqueles passatempos emocionantes que o tornarão fisicamente e mentalmente forte. Haverá casos em que você será confrontado com rotas e pontos desafiadores. É aí que seu instinto vai entrar.

Sua mente se lembrará de suas experiências passadas e permitirá que você manipule com sucesso diferentes momentos. Esta é uma prática muito saudável e você pode rotulá-la um pouco como alimento para o cérebro.

6. Precauções de segurança

Um canoísta, qualquer que seja o nível de habilidade, deve sempre seguir as precauções de segurança colocadas pelas autoridades competentes e não deve abusar delas em nenhum momento.

Para que a viagem se torne livre de estresse tanto para o canoísta quanto para as autoridades competentes. A cooperação é uma obrigação quando se trata de seguindo o código de conduta.

7. Aventuras que mudam a vida

Aventuras que mudam a vida

Qualquer coisa que aproxime uma pessoa da natureza, certamente impactará de forma positiva em sua vida pessoal e prática. O kayaker vai essencialmente começar a sentir-se mais calmo. Também pode ser um remédio para raiva e depressão. A experiência em primeira mão também pode trazer de volta a lembrança de memórias.

Os momentos positivos do passado combinados com uma viagem relaxante permitirão ao canoísta ver a vida de forma diferente. Certamente deixará um impacto positivo sobre ele no futuro.

8. Estude a Água

Sempre que você entra no colchão d'água, especialmente quando você é iniciante. É de grande importância entrar em contato com um companheiro de caiaque experiente. O experiente caiaque vai guiar você de certa forma, ele lhe explicará a rota e também o informará sobre as precauções de segurança que você deve adotar.

Isso tornará ainda mais sua viagem livre de problemas. Depois de aprimorar suas habilidades no caiaque, você pode estudar a água por conta própria.

Agora vamos compartilhar com você algumas das habilidades básicas de caiaque que você pode executar facilmente enquanto estiver em sua jornada:

  • Curso para frente

É tão simples quanto parece. Envolve três movimentos principais. Em primeiro lugar, enrole e equilibre o remo. Em seguida, coloque o remo na água de um lado e relaxe para a próxima remada, ou seja, colocando o remo de volta na água do lado oposto. Você deve manter o tronco alinhado para um movimento nivelado. Em termos de posição do braço, empurre a pá com a mão superior e puxe a pá com a mão inferior.

  • Curso de viragem

Essa habilidade permitirá que o caiaque gire na direção em que o remo é colocado. Isso exigirá simplesmente inserir o remo na água e depois remar de um lado para o outro. Seja qual for o lado da lâmina na água. O caiaque se move nessa direção. O problema com essa habilidade é que o caiaque perderá o impulso para a frente já acumulado.

  • Curso de Varredura

Um golpe de varredura resolverá o problema de perder o impulso para frente ao mudar a direção do caiaque. Ele está longe da frente do caiaque e continua até que o remo alcance a popa da parte de trás do caiaque. Isso nos permitirá virar a direção do nosso caiaque sem perder nenhum momento de avanço.

Esperemos que minhas duas informações ajudem os caiaques e acrescentem ainda mais às suas jornadas e aventuras. Caiaque tem tudo a ver com diversão e emoção, sempre mantenha as coisas simples. Esta é uma daquelas atividades que está associada à natureza. Ele só irá adicionar aspectos positivos para a vida do canoísta. Feliz Caiaque!