Como pescar um Buzzbait

Então, você está pescando um buzzbait? Coisa boa! Você pode ter ouvido dizer que “a pesca com isca de zumbido é bem simples… E embora isso não seja totalmente falso, há muito a ser dito sobre progressão. Com o tempo, aprendemos algumas coisas sobre os buzzbaits que funcionam para mim, então pensamos em passá-los para o caso de ajudarem mais alguém.

1) Escolha da linha

Ao escolher a linha ao usar buzzbaiting, é importante considerar não apenas a espécie-alvo pretendida, mas também as condições do dia. Existem essencialmente dois tipos diferentes de linhas – trança (superfino) e monofilamento (nylon). Na minha opinião, a trança é superior para a pesca buzzbait na maioria das aplicações.

Por quê? A trança tem três vantagens principais sobre o mono:

(1) é sensível

(2) é difícil

(3) é forte.

Primeiro, vamos falar sobre sensibilidade. Quando os peixes são agressivos e em cima de sua isca instantaneamente, às vezes você pode detectar ataques subconscientemente, sentindo a linha apertar um pouco antes de ser esmagada como um trem de carga. Se você não está sentindo isso ou vendo qualquer indicação visual de que algo pode estar comendo sua isca, sugerimos o uso de material líder de fluorocarbono de 6 a 8 libras para conectar sua linha principal ao líder da linha principal. Isso lhe dará maior sensibilidade ao detectar mordidas – se elas chegarem em cima disso.

Fonte: media-amazon.com

2) Capa protetora

É muito importante manter a cobertura no mínimo ao usar o buzz baiting, pois isso pode impedir a capacidade de suas iscas deslizarem pela superfície da água com aquele movimento matador e sexy. Em certas situações, somos conhecidos por remover toda a cobertura de minhas linhas e material de liderança, se necessário. Isso é especialmente verdadeiro ao usar trança, pois você removeu essencialmente duas “camadas” de proteção para sua linha principal. Certifique-se de estar familiarizado com os nós antes de tentar isso! Se não, faça um favor a si mesmo e descubra como amarrá-los agora o mais rápido possível para não perder nenhum equipamento caro ou peixe por causa de erro humano.

3) Força

A trança tem uma incrível relação resistência-diâmetro, o que significa que pode lidar com testes de libra muito mais pesados ​​para o mesmo diâmetro que outras linhas. Costumamos usar trança de 30 libras em meus buzzbaits, dependendo do tamanho das iscas e do peso da cobertura em que estou pescando. Mesmo que você não esteja pensando em usar isca de vara ou usar linhas mais pesadas com sua isca de zumbido, isso ainda é algo a considerar ao escolher a linha, porque você nunca sabe o que vai acontecer durante o seu próxima aventura de pesca.

Fonte: killerfroglures.com

4) Longevidade

A maioria dos pescadores está familiarizada com o conceito de “ir verde” com linha trançada. Isso é especialmente verdadeiro quando se pesca iscas de zumbido, porque elas são tão bem enroladas que, eventualmente, o filamento fino que compõe a maioria das linhas de monofilamento vai se desgastar ou cortar, resultando em peixes perdidos. A trança realmente não tem esse problema, pois a linha em si é composta por vários fios trançados e não apenas um único fio que pode ser cortado ou quebrado.

Estrondo! Curva de aprendizado: concluída. Sim, provavelmente teria sido mais curto se não tivéssemos divagado tanto sobre trança vs. mono, mas espero que este artigo tenha esclarecido algumas dúvidas que você possa ter sobre a pesca de buzzbait e como escolher sua linha de acordo para obter melhores resultados . Deixe-me saber na seção de comentários o que você pensa!

Como afinar seu Buzzbait

Fonte: salesbrand.news

As iscas de zumbido são uma ótima maneira de pegar peixes direto da caixa, no entanto, se você deseja ter sucesso, sua isca pode exigir algum ajuste. No mercado, as iscas Buzz foram ajustadas para serem retas e retas, no entanto, há casos em que essa pode não ser a escolha mais eficiente.
Seu barco está na água e você lança perto da estrutura ao longo da costa. Quando você solta você está movendo sua isca para fora da zona onde ela atingiu. Você quer que a isca permaneça na zona o maior tempo possível. A melhor maneira de fazer isso é dobrar a parte inferior do fio na direção que você gostaria que a isca viajasse. Quando você puxar a isca de zumbido, ela lutará contra você e depois se moverá pela costa até o final do momento.

A maioria das iscas de zumbido apresenta um rebite alongado que é preso à parte superior do braço para prender a lâmina. É flutuante e também fornece muito barulho ao som da isca. Clacking é bom, no entanto, é possível melhorar. Comece pegando um alicate com bico fino e pressione-o até o topo do braço que puder. Para impedi-lo de se mover. está movendo. As lâminas tornaram-se a principal coisa a produzir ruído. No entanto, poderíamos criar sons mais impressionantes para essa isca de zumbido. Se suas lâminas forem revestidas com uma faca, raspe a tinta na parte de trás das lâminas, onde elas podem entrar em contato com o rebite. Depois disso, você pode pegar uma lixa e esfregar toda a superfície do rebite, fazendo quantas goivas você conseguir. Quando você puxa a isca, ela emitirá um zumbido atraente.

Eles também terão um som atraente (para os peixes) que guincha como um animal angustiado. Isso aumentará a taxa de acerto de sua isca em até 50%.
Na primavera e no verão, usar um body feito de chartreuse com a saia deixada é uma excelente combinação. O gancho. Ele nadou através de planícies rasas e canteiros de ervas daninhas, o que fez com que o baixo e o lúcio ficassem no meio da raiva, sem motivo aparente. Experimente e você ficará surpreso...é eficaz.

Se você está recebendo menos ataques, você pode incluir um gancho de ferrão em qualquer isca de zumbido. Você também pode derrubá-los com torresmo ou até mesmo um peixinho real a qualquer hora do dia.
Buzz-baits podem ser usadas em situações em que outras iscas podem ser incapazes de funcionar.